A Minha Carreira

Eles não sabem, nem sonham, que o sonho comanda a vida, António Gedeão

Em 2013, um em cada cinco assalariados em Portugal era contratado a prazo

g333

A degradação do mercado laboral tem sido pautada pela proliferação dos contratos a prazo, pior remunerados e mais vulneráveis à situação económica.
O forte peso dos contratos a termo certo, em detrimento dos vínculos permanentes, constitui um indicador poderoso do papel da segurança contratual na segmentação do mercado de trabalho. Em 2013, Portugal era o terceiro Estado-membro onde os contratos a prazo tinham maior peso, apenas atrás de Espanha e Polónia.
In “Três décadas de Portugal europeu: balanço e perspetivas”, Julho 2015

Anúncios

Single Post Navigation

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: