A Minha Carreira

Eles não sabem, nem sonham, que o sonho comanda a vida, António Gedeão

Archive for the month “Fevereiro, 2014”

Procurar emprego é uma actividade a tempo inteiro

guiaiefpProcurar emprego é uma actividade a tempo inteiro. A situação actual do mercado de trabalho obriga a uma procura activa de emprego de forma persistente e organizada. Para tal é necessário estar motivado e determinado pois exige tempo, energia, determinação, persistência e organização e a adopção de uma atitude positiva e dinâmica.

In “Guia de Apoio à Procura de Emprego”, IEFP, 2008

Anúncios

Como encontrar um emprego na Europa

euresViver e trabalhar noutro país é uma opção interessante para europeus de todas as idades. Com efeito, continua a aumentar o número de pessoas que reconhecem os benefícios de adquirir experiência profissional noutro país europeu.

Os serviços da EURES são abrangentes e estão à disposição de todos os candidatos a emprego europeus – antes, durante e após a procura de emprego.

Encontrar um emprego na Europa – Guia para candidatos a emprego, União Europeia, 2013

Na Madeira consulte o Instituto de Emprego da Madeira – Rede EURES.

Todas as entrevistas de emprego são iguais

Programa Erasmus+ apresentado na Madeira

ersmus+Promovida pela Agência Nacional PROALV decorreu ontem, no Hotel Vidamar Resort Madeira, uma Sessão de Informação Erasmus+ durante a qual tiveram lugar reuniões sectoriais de apoio às candidaturas AC1/AC2.

Guia do Programa Erasmus+ (versão em inglês);

Informação aos candidatos;

Convite à apresentação de candidaturas 2013

– Formulários Ação-chave 1 — Mobilidade individual para fins de aprendizagem

Mobilidade do pessoal do ensino escolar

Mobilidade do pessoal e formandos no âmbito do ensino e formação profissionais

Mobilidade do pessoal e estudantes do ensino superior

Mobilidade do pessoal implicado na educação de adultos

Mobilidade dos jovens

Acreditação de organizações de ensino e formação profissionais (EFP)

Acreditação de organizações de voluntariado de jovens

– Formulários Ação-chave 2 — Cooperação para a inovação e o intercâmbio de boas práticas

Parcerias estratégicas para o ensino escolar

Parcerias estratégicas para o ensino e a formação profissionais

Parcerias estratégicas para o ensino superior

Parcerias estratégicas para a educação de adultos

Parcerias estratégicas para a juventude

Parcerias estratégicas relativas a vários domínios

Para mais informações aceda a PROALV e ERASMUS+.

Câmara de Cascais lança Plano de Ação Local para o Emprego

Com o objetivo de combater o desemprego e de apoiar a procura de emprego dos munícipes de Cascais, foi lançado pela Câmara Municipal o Plano de Ação Local para o Emprego, o qual engloba programas que têm vindo a ser desenvolvidos ao longo dos anos, assim como novos programas no âmbito de um protocolo de cooperação com o Instituto de Emprego e Formação Profissional.

Projetos e Iniciativas:cascais

Programa de Promoção Agrícola e Ambiental

“A Dois” – Mentoria e Voluntariado

Gabinete de Apoio ao Desenvolvimento Individual

Formação para a Promoção da Empregabilidade

Estágios Profissionais em Cascais

Programa de Ocupação de Jovens

Laboratório de Aprendizagens

A Câmara Municipal de Cascais lançou também a página “Promoção de Emprego” no Facebook para promover e incentivar a empregabilidade através das redes sociais.

Manual de apoio aponta alternativas para os professores desempregados

Com a finalidade de minimizar os efeitos do desemprego, sistematizando e apontado as diversas alternativas para os docentes que se encontram desempregados, a Federação Nacional de educação disponibiliza o Manual de Apoio ao Docente Desempregado 2013-2014, o qual aborda um conjunto de questões:

Subsídio de desempregofne

Contratação Escola – Portugal Continental

Região Autónoma dos Açores

Região Autónoma da Madeira

Ensino Particular e Cooperativo

Concurso para o Ensino Português no Estrangeiro (EPE)

Caducidade e compensação por caducidade

Endereços úteis

Vi@s – O portal de orientação português de apoio na Gestão de Carreira

Image

1. Vi@ Competências para o Trabalho

Identifique as competências que possui

Melhore competências relacionais, de tomada de decisão, de aprendizagem

Melhore competências criativas, de gestão da informação, de gestão do tempo

2. Vi@ Exploração

Conhecer-se melhor a si próprio

Explore profissões

Descubra oportunidades de qualificação e trabalho

3. Vi@ Contacto Profissional

Saiba como procurar trabalho

Aprenda a elaborar currículos e a responder a anúncios

Saiba como comportar-se em entrevistas de emprego

4. Vi@ Empreendedorismo

Verifique se possui um perfil de empreendedor

Desenvolva o seu potencial empreendedor

Saiba o que fazer para criar uma empresa

Kit Europass ajuda os cidadãos a transmitir as suas qualificações e competências

ImageO Centro Nacional Europass disponibiliza o Kit Europass que pode ser utilizado em autoformação ou em formação em sala, o qual visa ajudar os cidadãos a transmitir as suas qualificações e competências de uma forma eficaz.

O Kit inclui 17 módulos que podem ser utilizados por estudantes, trabalhadores, candidatos a emprego, empregadores, departamentos de recursos humanos, estabelecimentos de ensino e de formação e instituições do ensino superior:

1. Apresentação
2. O Europass e os seus Documentos
3. Reconhecimento do Europass
4. Técnicas de Preenchimento do ECV e do EPL
5. Modelo de Abordagem ao Mercado de Trabalho
6. Análise SWOT
7. Reconhecimento de Traços de Personalidade
8. Comunicação e Trabalho em Equipa
9. Gestão de Conflitos
10. Networking
11. Liderança e Coaching
12. Empreendedorismo
13. Negociação e tomada de decisão
14. Gestão do Tempo e Organização do Trabalho
15. Gestão do Stress
16. Capital Psicológico Positivo
17. Novo preenchimento da Análise SWOT

O “milagre” da redução de 21,6% do desemprego de licenciados de 2012 para 2013 na Madeira

Depois de um aumento exponencial de 400% do desemprego de licenciados (com cursos de 1º ciclo oferecidos pela UMa ou cursos congéneres), de 2006 a 2012, o que explica a redução em 21,6% de 2012 para 2013?

Apesar das Informações Mensais do Mercado de Emprego do Instituto de Emprego da Madeira não fornecerem dados comparáveis aos do Relatório Anual 2013 do Observatório de Emprego e Formação Profissional da UMa, é possível constatar que a redução de desemprego de licenciados (1º e 2º ciclos da UMa e outras IES), de 2012 para 2013, foi de apenas 2,7% e que entre 2006 e 2012 se registou um aumento de 263%.

Melhorou a situação dos desempregados com curso superior”, Diário de Notícias da Madeira, 19 de fevereiro de 2014

Image

As 5 piores formas de Procurar Emprego

paraquedasAs 5 Piores Formas de Procurar Emprego

1. Procurar anúncios de emprego inseridos na Internet por empregadores (4 a 10%)

2. Enviar aleatoriamente currículos para empregadores (7%)

3. Responder a anúncios em revistas especializadas (7%)

4. Responder a anúncios em jornais locais (5 a 24%)

5. Dirigir-se a agências privadas de emprego a fim de obter ajuda (5 a 28%)

As 5 Melhores Formas de Procurar Emprego

1. Pedir informações sobre empregos a pessoas próximas (33%)

2. Bater à porta de uma empresa que lhe interesse (47%)

3. Identificar potenciais empregadores nas áreas que lhe interessam e contactá-los (69%)

4. Formar uma espécie de “clube de emprego“ com outras pessoas (84%)

5. Fazer uma procura de emprego que corresponda a uma mudança de vida (86%) (método John Crystal )

Planeamento Vida/Trabalho (Life/Work Planning), de John Crystal

1. Quais são as competências que possui e que mais gosta de aplicar?

2. Onde quer aplicar as suas competências e crescer e realizar o trabalho de forma mais eficaz?

3. Como chegar onde quer ir?

Estas 3 etapas devem ser feitas antes de iniciar a procura ativa de emprego.

In “De que cor é o seu para-quedas” de Richard Bolles

Post Navigation